sábado, 26 de março de 2011

A ética vai pro lixo. De novo !

Enquanto os senhores causídicos, doutores da lei, discutiam se a Lei da Ficha Limpa seria válida JÁ, ou em 2012, ou no próximo século, corruptos barrados por ela soltavam fogos de artifício na esperança de burlar uma vez mais a ética.

Cinco Ministros do STF, o Ministério Público Federal e o Tribunal Superior Eleitoral, todos analisaram a Ficha Limpa e concordaram que a sua validade para 2010 é plenamente constitucional. Até a Ministro Fux dar seu voto havia um empate de 5.

Entretanto... o ministro Luiz Fux frustrou a expectativa da sociedade brasileira – que se articulou para um Projeto popular, com cerca de 2.000.000 de assinaturas – e votou pela postergação da mesma. Entre outras pessoas, Ophir Cavalcante, presidente da OAB, também sentiu-se ultrajado.

A assunção ao poder de figuras conhecidas (manjadíssimas, como se dizia no século passado) como Jader Barbalho, João Capiberibe e Cássio Cunha Lima foi um verdadeiro tapa na cara da sociedade.

A ética novamente foi jogada no lixo. Dá tristeza de olhar pra “política” nacional...

Um comentário:

  1. Infelizmente o Brasil ainda precisa consegue nos surpreender...

    ResponderExcluir